Quando o assunto é montar currículo, nem todos tem facilidade, e surgem muitas dúvidas, mas é importante prestar atenção, pois um currículo bem feito pode aumentar suas chances de ser chamado para a entrevista de emprego e até mesmo de avançar na seleção. Por isso, nossos profissionais de seleção separaram algumas dicas para te ajudar nesse processo:

 

  1. Coloque somente os dados pessoais relevantes

Algumas pessoas costumam colocar número de todos os documentos, data de nascimento, nome dos pais, com quem mora, e demais informações que nem todas empresas precisam, e com isso o currículo fica poluído. Sendo assim, não é necessário colocar todos os dados, caso a empresa precise saber irá perguntar.

Quais dados devo colocar:

  • Nome completo;
  • Idade;
  • Endereço;
  • E-mail;
  • Telefone fixo (ou para recado);
  • Telefone celular.

 

  1. Especifique seu objetivo profissional

Caso seja mais de um, não os coloque todos em um mesmo currículo, faça um para cada vaga conforme o objetivo condizente com a mesma. Como por exemplo:

  • Administração de Projetos.
  • Redes Sociais e Publicidade.
  • Contabilidade.
  • Finanças e Controladoria.
  • Recursos Humanos e Gestão de Pessoas.
  • Vendas e Comercial.

Obs.: Este espaço é destinado ao objetivo profissional dentro de uma área de atuação e não para informar o cargo desejado (gerente de compras, assistente comercial, analista de redes sociais). É importante saber diferenciar o cargo almejado da área de atuação!

 

  1. Informe suas formações acadêmicas

Mesmo que o curso esteja trancado ou tenha desistido, é importante coloca-las, sempre em ordem da mais recente para mais antiga, e especifique sempre se está cursando, trancado, parado ou concluído. Além disso coloque data de início e fim, mesmo que não tenha terminado, coloque a previsão, e o nome do curso e instituição.

 

  1. Descreva seu histórico profissional

Esta é a parte mais importante do currículo, e será desenvolvida da mesma forma da formação acadêmica: coloque as experiências em ordem da mais recente para a mais antiga, coloque data de entrada e saída da empresa, o caso ainda esteja na mesma especifique que é seu emprego atual, coloque o nome da empresa, cargo ocupado e descreva as funções desempenhadas.

 

  1. Informe suas atividades extracurriculares

Esta parte é destinada aos cursos extracurriculares, certificações obtidas e trabalhos voluntários.

Para os cursos extracurriculares, como cursos de línguas, informática, ou algo especifico na área de estudo e atuação, precisará ter o nome de curso, instituição de ensino e nível do estudo, e carga horária.

Já para as certificações, deverá ter o título, o nome da instituição que emitiu e a data de obtenção.

No caso do trabalho voluntários, deve ser informado o nome da instituição, a função desenvolvida e data de contribuição, ou caso seja um trabalho recorrente, informe que ainda está atuando.

 

  1. Apresente suas demais qualificações

Nas qualificações, você deve informar as expertises desenvolvidas na graduação, trabalho ou até mesmo no dia-a-dia, aqui devem ser informadas ferramentas que tem conhecimento e facilidade em utilizar, que possam agregar ao seu trabalho.

 

  1. Revise com cuidado as informações

Depois de pronto, leia e releia o currículo, verifique se os dados informados estão corretos e são verdadeiros, revise os dados de contato, pois são o principal meio de comunicação entre o candidato e o recrutador, e atente-se a ortografia, é muito importante que não haja erros de português, concordância, ou tempo gramatical.

 

  1. Cuide da aparência e da formatação

O currículo deve ser de fácil entendimento e sem poluições visuais, por isso o correto é seguir as normas de formatação da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), as quais, são:

  • Letra: Arial ou Times New Romam;
  • Tamanho: 12 ou 14;
  • Margens: 3 cm para margem superior e a esquerda, e 2 cm para margem inferior e a direita;
  • Cor: Folha branca com letras pretas;
  • Espaçamento: 1,5;
  • Alinhamento: Justificado.

Para os currículos, não são necessárias capas, sumário, nem numeração de página.

Obs.: Há exceções, principalmente para profissionais na área de design, marketing e publicidade, podemos deixar a formalidade de lado e apostar na criatividade para criação do currículo, mas sempre preservando o fácil entendimento.

 

  1. Guarde-o com cuidado

É fundamental que ao entregar o currículo ele esteja inteiro e limpo, então evite coloca-lo em lugares que possam amassar ou então manchar, caso contrário, pode passar a impressão de desleixo pessoal ou de descaso com a empresa.

 

  1. Grave as informações

Alguns recrutadores não irão ler todo currículo, ou irão querer confirmar as informações, então é muito importante, que tudo que você escreva, também saiba de cabeça caso peçam para falar, inclusive datas.

 

Depois de tudo isso é só se preparar. Boa sorte!